Procurar
Close this search box.

Comunitarismo pastoril e agrícola

A organização comunitária de Vilarinho da Furna caracterizava-se pela cooperação especial entre vizinhos nas actividades agrícola e, especialmente, silvopastoril, na racionalização do trabalho em comum e na partilha de recursos naturais. Para a organização da vida comunitária, os representantes das famílias, uma vez por semana, reuniuam-se em assembleias gerais, a quem chamavam Juntas ou Ajuntes, e, entre si, elegiam um grupo de seis homens, designados pelos Seis do Acordo, e nomeavam um juiz, à vez, entre todos os homens casados eleitores, por ordem de antiguidade de casamento, que tinha a responsabilidade de dirigir os actos da coletividade.

Picture of Manuel Antunes

Manuel Antunes

Partilhe nas Redes Sociais:

Comente o que achou:

Open chat
Olá
Posso ajudar?